Imagem - Declaração dos Direitos do Designer, Ilustrador ou Programador
09 de setembro de 2016 / ABID

Declaração dos Direitos do Designer, Ilustrador ou Programador

Princípio 1)

Todo designer, ilustrador ou programador tem direito a café

 

 

Como item essencial para a manutenção da vida, todo designer desfrutará da quantidade de café que julgar necessário para a melhoria do seu bom humor, qualidade e desempenho no trabalho. Também fica outorgado a utilização de canecas grandes, e/ou canecas de personagens sem qualquer distinção, seja DC, Marvel, Star Wars ou Senhor dos Anéis.

 

 

Princípio 2)

Todo designer, ilustrador ou programador tem direito a um prazo

 

 

O designer deve gozar dos benefícios de um prazo digno para o desenvolvimento do job. Terá direito ao uso do banheiro sem restrição de horários, tempo hábil para sua alimentação e períodos regulares de descanso em sua moradia, para que desfrute de boa saúde física e mental.

 

 

Princípio 3)

Todo designer, ilustrador ou programador tem direito a um briefing

 

 

A qualidade job é direito do cliente e dever da agência, porém, a responsabilidade em caso de reprovação do cliente, recai com mais frequência sobre o designer; sendo assim, a responsabilidade de um briefing íntegro, incumbe, em primeira instância ao planejamento. Ficando este, responsabilizado, sob as penas da lei, por qualquer ato de omissão, seja de cunho intencional ou não.

 

 

Princípio 4)

Todo designer, ilustrador ou programador tem direito a recreação

 

 

O designer, ilustrador ou programador deve desfrutar plenamente de happy hours frequentes, os quais deverão estar dirigidos para sua total descontração; a direção da agência e demais responsáveis se esforçarão para promover o exercício deste direito, jobs de última hora serão considerados crimes passíveis de punição sob a forma da lei.

 

 

Princípio 5)

Todo programador tem o direito ter seu backup socorrido em primeiro lugar, em caso de problemas no servidor.

 

 

O programador, em todas as circunstâncias, deve figurar entre os primeiros a receber auxílio/suporte técnico, em casos em que hajam dados, arquivos e/ou informações perdidas no servidor.

 

 

Princípio 6)

Todo designer, ilustrador ou programador tem o direito a crescer dentro de um espírito de solidariedade, compreensão, amizade e justiça entre todos da agência.

 

 

  • O designer não fará pedidos de uso excessivo de menus transparentes nos projetos web;
  • A equipe trabalhará em horário comercial e horas-extra serão tratadas como exceções;
  • Não sofrerá perseguição se não responder mensagens em seu dispositivo móvel, via Whatsapp sobre assuntos relacionados a jobs em dias e horários de folga;
  • Não terá horas-extras pagas com pizza e refrigerante; cervejas gourmet também não são aceitas como forma de pagamento;
  • Designers e ilustradores também são filhos de Deus e devem ser tratados como tal; porém, foram concebidos sem o Dom Divino de operar milagres, principalmente quanto ao tratamento de imagens e demais “efeitos especiais”;
  • Programadores não podem ser confundidos, sob nenhuma hipótese com técnicos de informática; formatação de computadores, remoção de vírus e demais atribuições que regem a função de manutenção, devem ser atribuídas ao profissional qualificado, acima citado.

 

Renato Rocha

Comments (4)

  • Avatar

    Rafael do Nascimento Fernandes

    |

    Infelizmente boa parte do mercado não segue essas regras. É bom ver um lugar que acredita nos valores dos funcionários. Parabéns pela atitude!

    Reply

  • Avatar

    Carlos Eduardo Fantin

    |

    “Todo designer, ilustrador ou programador tem direito a um briefing”

    Por favor, me ajude a te ajudar, Cliente!

    Reply

  • Avatar

    João Bernardo

    |

    Todo designer, ilustrador ou programador tem direito a um prazo…. que de preferência não seja o “pra mês passado”. hahahaha

    Reply

  • Avatar

    Junior Vieira

    |

    E como faz diferença ter um bom ambiente de trabalho, fala aí?

    Reply

Leave a comment

You must be logged in to post a comment.